domingo, 11 de março de 2007

“Não digas isso que parece mal!”

Desculpem... hoje é um desabafo...
Tenho sido muito criticada ao longo dos anos, pelas escolhas que tenho feito. Fui muitas vezes cobarde e imatura. Fugi de muitas batalhas. Assumo. Dizer que me arrependo já não é assim tão simples, de algumas coisas sim, de outras confesso que não. Sempre que me espalhei ao comprido cresci, aprendi lições e vivi coisas que muitos nem sonham o que são, mas sim errei, ainda erro, muito!
A grande duvida para mim , foi se seria só eu a errar...
“És pouco emotiva, um bocadinho seca.”
“Com esse feitio, não há quem te ature.”
“Se fosses mais feminina...”
“Não digas isso que parece mal!”

Pois... bem, hoje vou comentar, em mais um acto de cobardia e de fuga à luta. Cobardia porque o faço aqui, onde aqueles a que me refiro não me encontram e fuga à luta, porque há anos que evito esta batalha, se um dia a travar vira guerra... e será uma guerra feia, cheia de baixas... eu posso fugir agora, mas se um dia me debater, será para ganhar!
Mas adiante.
“És pouco emotiva, um bocadinho seca.” – Sou??? Porquê? Porque não vos ligo diariamente? Porque não digo em cada oportunidade o quanto são fantásticos? Porque não vos afago o pêlo como fazem comigo? Porque raio o deveria fazer? Para depois dizer mal de vocês pelas costas como fazem comigo? Nesse caso eu quero continuar seca... mas não hipócrita! Aqueles que amo e que me amam sabem sempre onde me encontrar, sabem sempre que a minha porta está aberta, que o faço de coração, os outros... procurem a sua turma.
“Com esse feitio, não há quem te ature.” – Felizmente. Também não quero qualquer um a aturar-me. Sou como sou, com mau feitio SIM... quem gosta porreiro, quem não gosta... come só as batatas!
“Se fosses mais feminina...” – Se fosse mais feminina, seria alguém que não sou... não vou por ai! Curiosamente, já houve quem descobrisse uma mulher em mim, apesar das botas de biqueira de aço, das calças de ganga, da pouca maquilhagem, do capacete.
“Não digas isso que parece mal!” – Claro, dizer o que penso e acredito parece mal... bonito mesmo é fingir alguém que não sou! Brilhante!
Desculpem lá o mau jeito... até porque sei que fica mal dizer isto... mas quero que enfiem as vossas teorias... exactamente por aí... como são grandes... talvez vos agrade!

23 comentários:

bublicious disse...

Só tu mulher :)

Acabei de por um post no meu e vim espreitar o teu...

O meu acaba... desculpem... foi só um desabafo... lol... e não é q é como começa o teu :))))

enfim... nada acontece por acaso :)

bjnh grd

Mina disse...

Eu acho que devemos ser genuínos. Nunca vamos conseguir agradar a todos mesmo, portanto esquece lá isso :)
Bjs e boa semana!

r.filgueira disse...

o marta
mude de amigos ;))

Marta disse...

Bublicious,
Eu concordo que nada acontece por acaso... :)
Achei piada à coincidência... mas seria mais feliz se n fossem desabafos!
bj

Mina,
Nem eu quero agradar a todos, nem me estou a fazer de vitima, não a menor vocação para coitadinha, mas há dias em que fico *****a!
Mas hj já me esqueci... isto funciona assim, digo umas barbaridades e passa... :)
bj

Marta disse...

R. Filgueira,
:) Se fossem os amigos seria fácil... acontece que neste caso não posso mudar...
Nem sei se quereria... a moeda tem sempre 2 lados...
bj

Cátia disse...

Linda... adorei o teu post... compreendo-te mt bem, ouço o mesmo varias vezes também! Custa mt ouvi-los principalmente se vêm de pessoas mt proximas, como a nossa familia, mas é assim que somos é assim que continuaremos a ser...
Fazes bem desabafar, falar o que te magoa... Se nao o fazes às pessoas certas é porque ainda nao chegou a hora, quando chegar tu irás falar... Mas podes ter a certeza que são momentos que magoam. Falo por experiência!

Quanto às tuas primeiras frases tocaram-me mt tb. Estou a manha inteira a tentar tomar uma decisão: vou ou nao vou... arrisco ou nao arrisco! Mtas vezes já me acobardei e mtas delas me arrependo... mas estou prestes a acobardar-me novamente... Veremos como decido... logo à noite estarei triste ou estarei receosa mas contente).

Obrigada por estes momentos de sinceridade... é bom ouvir-te. E acredita que já fizeste mts amigos aqui...

Um beijo

João Cordeiro disse...

Marta, obrigado pela visita e comentários.
Quanto ati, espero que mantenhas a tua postura sempre.
Sê quem tu és...


Beijinho sonhador

Marta disse...

Cátia,
Se me permites, dir-te-ei o que penso...
Pensa bem se é isso que queres, pesa os prós e os contras e se a balança ficar equilibrada... arrisca, ainda que não seja a situação fantástica q agora idealizas, será positivo pq vives, pq vais à luta.
Os erros de que me arrependo, são essencialmente os que não cometi!
Obrigada pelas tuas palavras, tb gosto mt de te ouvir... estarei por aqui!
Boa sorte. Coragem.
bj

João Cordeiro,
Tento sempre ser fiel a mim própria.
bj

Lindona disse...

Desculpa a comparação mas identifico-me muito contigo. Diria mesmo que esse texto foi escrito sobre a minha pessoa. Desculpa uma vez mais e obrigada pele partilha assim já não me sinto tão "bicho em vias de extinção".

Beijo enorme.

Fontez disse...

não tens os amigos certos...!
aliás nem te devias chatear com eles.
sê amiga e bondosa para os outros é essa a tua missão, o resto é paisagem...! A serio n te chateies com essas coisas chatas, mas sim sorri perante tal...!
és fine e cool tal como és, n mudes,nem deixes q te moldem à maneira de deles...!
:)
aliás, dizia eu no inicio q n tens amigos certos, ERRADO!, tou enganado, ja tens sim amigos certos...!;) O tiago e o 2º tiago(principalmente este) são teus amigos apesar de ainda serem "fantasmas"...! :)

Marta disse...

Lindona,
Não há nada a desculpar... todos temos diferenças e semelhanças...
mas acredita q n somos "bichos em via de extinção"
bj

Fontez,
Não falava dos meus amigos...
Eu tb gosto mt do Tiago e do 2º Tiago, embora de formas diferentes... e sabes q para mim já não são mt "fantasmas"!
Tb te acho fine e cool :)
bj

Cátia disse...

Hoje foi dia de arriscar! Um Beijo

=^.^= Tarina =^.^= disse...

Grande desabafo...
É assim mesmo...
Levar aquilo que pensamos até ao fim...
Só assim seremos felizes... mesmo que demos as tais cabeçadas que nos levam ao chão.. mas que na proxima jornada nos ajudam a não cair!

Gostei de te ouvir!

=^.^= tarina

Pepe Luigi disse...

Muito genuíno este texto que me faz antever uma mulher também muito genuína!

Um beijinho
do Pepe.

Esteril disse...

bublicious,
isso do acaso, tem direitos... :))
Marta, quem é o alvo? Encheste o saco?? He pá, e se eu não quiser comer só as batatas? Tu és mesmo má, eu gosto de comer tudo, agora só as batatas, fica a saber a pouco :))
Sabes eu sou todo cheio de teorias, contigo tou lixado com "f" grande... agora não posso ter teorias... nááá.
Sabes o que aprendi a fazer, cagar e andar, dizer nas trombas de quem te mal trata verbalmente, para ver as trombas deles, com cara de paú que nunca imaginaram que um gajo fosse tão directo, tou-me a cagar para gente filha da puta, enchi a paciência, levam logo nas trombas as bocas que também me apetecer, não gostam, vão dar uma curva, mas depois, ignoro e deixo de pensar nisso, porque pensar é dar importância e eu deixem de me consumir interiormente com a falta de bom senso dos outros... Depois estão a chorar e a precisar de mimos, puta que os pariu, vão pedir aos padres que precisam de fieis... ajoelhou vai ter que rezar, ou traduzindo, foderam-me, nunca mais levam nada meu, para SEMPRE...
Tá mal marta, não sejas má, tu és boa rapariga, sê bonzinha, não sejas como eu...lol... como lá as batatinhas...
bjs

Jefferson P. disse...

Olá.. como vai?.

Muito obrigado, mas esteja certa; eu adoro suas confissões.

bjosss.

Marta disse...

Cátia,
:) Torci e torço por ti! :)
bj

Tarina,
Gosto mt de te ouvir tb.
Qt ao cair faz parte do processo... o importante é não me deixar ficar por terra. (por exemplo hj estou óptima:))
bj

Pepe,
Obrigada!
bj

Esteril,
:) fazes-me rir...
O alvo eram os... mas depressa vem e depressa vai...
bj

Jefferson,
Eu gosto das tuas visitas ;)
bj

Morgaine disse...

ehpah cum catanu, vê-se logo que te chamas marta hehe.. pois como te disse no post anterior leio-te a espaços.. aos bocados, quando nao me esqueço de cá vir.. sou cabeça na lua e esqueci-me onde tinha deixado o link. Coff.. quanto ao teu post, Marta, digo-te para seres simplesmente tu e não a imagem que os outros querem. Desde que ninguem seja desrespeitado, quem não gostar, nao come! Não consigo deixar o meu link gravado porque nao tens a versao beta a permitir coments.. aqui vai, se quiseres..
Bjs Martita

www.newcitadel.blogs.sapo.pt

Marta disse...

Morgaine,
Tento sempre não desrespeitar ninguém, mas sou eu mesma... isso não é negociável! :)
Não sabia que não permitia essa história dos comentários, tentarei resolver (mas n prometo, sou um calhau nisto).
Isto aqui é uma democracia, todos tem direito a ter voz e link! :)
Irei visitar-te!
bj

Cris disse...

Se fosses isto ou aquilo, se não tivesses feito aquilo... Também já ouvi e continuo a ouvir muito disso. Se há coisa que me chateia na família, é não nos aceitarem como somos. Só mesmo os amigos (a família que escolhemos)!!!

Marta disse...

Mesmo os amigos, a familia que escolhemos, como diz, por vezes e com o tempo desiludem-nos, tentam mudar quem somos. Mas com esses é mais fácil, porque não temos que nos cruzar nos Natais, nem nos casamentos, nem em coisa nenhuma.
Mesmo quando a culpa é nossa, e às vezes é, quem gostar verdadeiramente de nós, vê que errámos, diz-nos isso, a nós e apenas a nós.
Não se trata de ouvirmos sempre sim, trata-se de sermos respeitados!

Cris disse...

Sim, alguns amigos desiludem-nos, mas, felizmente, são poucos. Quanto a dizerem sempre sim, não era isso que queria dizer. Porque os amigos dizem-nos quando erramos de forma construtiva.

Marta disse...

Eu sei, percebi o que disse, expressei-me foi mal. :)

"Sim, alguns amigos desiludem-nos, mas, felizmente, são poucos." - sim, felizmente são poucos, mas quando acontece é a pior de todas as traições...